Casamento real da Aretha e do Dan

É sempre uma emoção receber histórias de casamento real das nossas noivinhas seguidoras. Algumas contas as dificuldades de planejar um casório, outras dão dicas de como economizar. Já outras vêm aqui só para declarar o seu amor pelo noivo e por tudo o que passaram ao lado dele. A Aretha chegou até a gente e contou tudo isso! O casamento real dela contou com a ajuda de sua família, do noivo, dos fornecedores super amáveis e com seu grande amigo, Deus.

casamento real

Ela e o Dan, seu noivo apelidado de Barbudo, planejaram um casório cheio de amor, de colaboração, de alma e detalhes a cara dos noivos. As fotos, o clima, o amor, transbordam de emoção. Vem cá, se apaixona por essa história junto com a gente, vai?

 

Nossa história

Eu e o barba nos conhecemos em 2010, na igreja (aliás, ele já me conhecia antes, eu que não o “percebi”. rs). Nossa aproximação foi através de um sobrinho dele. Na verdade, de início, eu já sabia que ele queria se aproximar, mas eu não queria dar o braço a torcer. Até que, um dia, baixei a guarda e dei abertura pra que ele se achegasse… Mas apenas como amigo. O tempo passou e eu fui conhecendo um pouco mais da pessoa que ele era/é e fui cedendo aos poucos. O pedido de namoro veio um pouquinho mais tarde, em 2010 mesmo. E eu, obviamente, aceitei.

casamento-real-aretha-e-daniel-4

casamento-real-aretha-e-daniel-22

casamento-real-aretha-e-daniel-35

A vida seguiu. Com a diferença de que agora nós éramos um par. Foi o nosso primeiro passo. Nesse espaço de tempo, nos conhecemos como pessoas, aprendemos com as qualidades e os defeitos um do outro e, melhor, partilhamos do amor de uma forma única e muito especial pra nós dois. Em outubro de 2013, demos mais um passo: decidimos ficar noivos. Durante esse tempo, o sentimento e o respeito que tínhamos um pelo outro disparou (junto com a barba dele rs).

casamento-real-aretha-e-daniel-7

casamento-real-aretha-e-daniel-16

casamento-real-aretha-e-daniel-25

Começamos a trabalhar juntos como fotógrafos de casamentos, contando histórias lindas de amor e de casais apaixonados, assim como a gente. Até que, em fevereiro de 2015, fui surpreendida com um pedido de casamento lindo, primeiro entre nós dois, depois na presença dos meus pais. Foi uma noite cheia de emoção. Desde então, o meu computador ganhou uma pasta na área de trabalho chamada CASAMENTO e minha agenda vários compromissos!

Preparativos

Assim que o meu barbudo Dan me pediu em casamento, começamos a procura pelo lugar perfeito, que acolheria nossos amigos e familiares no grande dia. Como não queríamos nada muito tradicional, optamos por um casamento bem intimista, com cerimônia ao ar livre, decoração hi-lo e muuuuito DIY, bem a nossa cara mesmo! Fizemos contato com alguns locais, desgostamos de uns, rodamos, e rodamos, e rodamos por outros, até que encontramos um sítio cheio de verde, como queríamos, aqui em Campo Grande mesmo.

casamento-real-aretha-e-daniel-14

casamento-real-aretha-e-daniel-27

casamento-real-aretha-e-daniel-39

Nos apaixonamos logo de cara pelo KAZA AMARELA. Fechamos contrato. O segundo passo, antes de mais nada, – e como eu e o barbudo somos fotógrafos – foi ir em busca de alguém que contasse a nossa história de forma única e linda. Foi aí que, procurando em nossos amigos em comum, encontramos o Mateus Montoni, um cara super gente boa!

casamento-real-aretha-e-daniel-40

casamento-real-aretha-e-daniel-30

casamento-real-aretha-e-daniel-36

 

O vestido

Gente, eu não poderia deixar de falar do meu vestido, feito pela minha tia (ela é costureira e tem uma loja própria, a D’Look). Quis um vestido mais “sequinho”, bem diferente do estilo “princesa” e ela fez como sonhei, com muito amor, empenho, dedicação e carinho. Ela foi impecável no que fez e meu vestido ficou deslumbrante! Minha tia, de verdade, sonhou junto comigo. Gratidão eterna.

casamento-real-aretha-e-daniel-2

casamento-real-aretha-e-daniel-8

casamento-real-aretha-e-daniel-12

 

DIY e decoração

Como a gente queria um casamento bem a nossa cara, colocamos a mão na massa em muita coisa. Contamos com a ajuda de pessoas muito queridas (minha sogra, minha mãe, meu pai, minhas cunhadas, irmãs, prima, cunhado e até o barba entrou no ritmo).

casamento-real-aretha-e-daniel-11

casamento-real-aretha-e-daniel-3

casamento-real-aretha-e-daniel-6

 

Fizemos as gravatinhas dos padrinhos e pajens, os arcos das daminhas, os buquês de feltro que as daminhas e as madrinhas levaram, pintamos as plaquinhas, o pergolado da cerimônia, lembrancinhas, o porta-alianças… Fizemos quase tudo em nosso casamento real.

casamento-real-aretha-e-daniel-31 casamento-real-aretha-e-daniel-13

casamento-real-aretha-e-daniel-50

 

Também tivemos as mudinhas de cacto e suculentas que eu e o barba encomendamos com um florista, conhecido dos meus pais, e coloquei juta e barbante pra compor. Na pista, distribuímos chinelos pras convidadas saírem do salto.

casamento-real-aretha-e-daniel-54

casamento-real-aretha-e-daniel-52

casamento-real-aretha-e-daniel-53

 

A papelaria eu fiz TUDO! A começar pelo nosso convite, que foi um amor só quando os convidados o receberam. Fizemos também as plaquinhas pras mudinhas, todas as tags, mensagens e etc.

casamento-real-aretha-e-daniel-17

casamento-real-aretha-e-daniel-49

 

 

O grande dia

Nos casamos em um domingo. Foi um mini-wedding, pela manhã, num sítio em Campo Grande- RJ. No dia do casamento real foi tudo muito lindo!!! Vi Deus naquele lugar, no rostinho de cada convidado. Nos sentimos honrados ao ver o que todo mundo viu. Foi maravilhoso compartilhar algo que a gente vive de verdade, o nosso amor concreto.  Ouvir nossos votos de novo (gente, que coisa mais linda ver o barbudo todo emocionado, dizendo coisas lindas que ele já diz pra mim, mas, naquele momento, diante dos nossos amigos e familiares). Que prazer sentir aquele mix de sentimentos por estarmos tão, mas tão felizes, que prazer ouvir as palavras do nosso pastor (meu paizinho e sogrão do barba).

casamento-real-aretha-e-daniel-26

casamento-real-aretha-e-daniel-18

casamento-real-aretha-e-daniel-23

 

Sem falar na chuva, que no dia anterior mostrou que o céu também estava transbordando de alegria e amor junto com a gente. Nossos amigos e padrinhos mais loucos da vida, nossa família linda, o barba chorando o Tietê inteiro, as pessoas-mais-amor das galáxias registrando cada detalhe do nosso casamento real. Deus estava ali, claramente! Fico emocionada e arrepiadíssima ao lembrar de cada detalhe desse dia. E sim, obviamente eu poderia casar um milhão de vezes, again-and-again, com o meu barbudo, exatamente da forma que foi, com um Deus maravilhoso colorindo cada parte daquele dia, todo diferente, surpreendente, colorido, espetacular, cheio de verdade e emoção.

Fornecedores: Casa de Festas: Kaza Amarela | Decoração: Márcia Anjos buffet | Cerimonial: Natalia Silvestre | Flores e Buquê: Márcia Anjos buffet | Fotógrafo: Mateus Montoni | Filmagem: Radar Audiovisual | Vestido e acessórios: D’Look | Sapato: Sapatella | Traje do noivo: Enzo Toscani | Sapato do noivo: Kayland | Celebrante: Pai da noiva | Maquiagem: Sú Rodrigues Make Up | Buffet: Márcia Anjos buffet | Bolo: Márcia Anjos buffet | Topo de bolo: 2wed | Banda: irmã, cunhado e amigos da noiva | Porta-alianças: noiva | DJ: Anderson Sousa | Convite: noivos | Papelaria: noivos | Plantas: Lean Plantas | Caixotes de Feira: fornecidos pelo buffet

 

Mais histórias lindas de casamento real:

O Mini Wedding da Vânia e do Denner

O casamento DIY da Amanda e do Danilo

Casamento Real e DIY da Tamy e do Ivan