CASO REAL: O casamento econômico da Natália e do Marcos

Hoje é dia de Caso Real econômico pra inspirar vocês, ein? Além de uma lindeza que nos deixou de queixo caído, o casório da Natália e do Marcos foi todinho feito à mão e por isso muito baratinho! A Nat fez questão de contar pra gente o valor total que gastou no seu casório: R$7.500,00. Isso mesmo, gente, por menos de dez mil reais a Nathalia e o Marcos fizeram um casamento de fazer suspirar!

caso-real-natalia-marcos-ceub (15)

E a parte mais legal foi que a Nat nos disse que super se inspirou nas nossas histórias contadas aqui no blog e que foi exatamente por isso que ela resolveu nos mandar esse relato, para que outras noivinhas tenham a mesma sorte que ela. É muito amor saber que essa corrente de ajuda que criamos funciona super bem e dá frutos lindos cheios de paixão! Agora vem cá saber tudo e conhecer essa história que é de fazer qualquer um se apaixonar:

 

“Bom dia meninas, compartilhando, então, um pouquinho da minha história e do Marcos – o grande amor da minha vida. Nos conhecemos há 6 anos, em 07 de março de 2009, na nossa cidade natal Porto Alegre – RS. Desde, então, nunca mais nos desgrudamos. Foi, realmente, amor à primeira vista.

caso-real-natalia-marcos-ceub (3)

Eu sou formada em Administração, mas atualmente – inspirada na profissão do meu marido, bombeiro militar, hoje sou Técnica em Enfermagem e estudante de Enfermagem (graduação). O Marcos é Educador Físico e bombeiro militar e, durante o verão, é salva-vidas nas praias do RS – especificamente em Imbé onde ele veraneia desde o primeiro ano de vida. Após muitas conquistas juntos, chegou o momento de noivarmos. No nosso aniversário de 5 anos de namoro, em um final de semana que sai do plantão no hospital onde trabalhava e fui direto para praia encontrar o Marcos, veio o pedido de casamento! Só nós dois, em Imbé, num sushi (amamos!), ele faz o pedido mais lindo do mundo.

caso-real-natalia-marcos-ceub (13)

Não resisti e ACEITEI!!! Não havia dúvidas do que queríamos, já tínhamos comprado nosso apartamento e não nos restou dúvidas na hora de já definir quando sairia o casório. O dia 07 de março é uma data especial, foi o dia que nos conhecemos e já começamos a namorar, tinha que ser esta a data do grande dia! Olhamos o calendário e, em 2015, seria um sábado! Perfeito!

caso-real-natalia-marcos-ceub (28)

Nós dois somos do dia, da praia, do sol, do mar, do campo, amamos um passeio ao ar livre! No dia pós-noivado, fomos tomar um chimarrão no Lago Braço Morto, um lugar lindo que amamos lá praia, e em frente tem um restaurante super charmoso, com espaço ao ar livre. Aproveitamos e emendamos o almoço na Cantina da Figueira! Logo que entramos fomos super bem acolhidos pelo casal de proprietários, a Fernanda e o Felipe! O lugar era exatamente aquilo que sonhávamos para o nosso casamento, simples, acolhedor e uma área verde maravilhosa. Um dia de noivado e já tínhamos decidido a data e o local do casamento! Desde este dia, decidi que ia me dedicar totalmente a cada detalhe de nosso casamento.

caso-real-natalia-marcos-ceub (14)

caso-real-natalia-marcos-ceub (12)

Queríamos algo íntimo, só para a família e amigos mais próximos, um verdadeiro mini-wedding para 70 pessoas. Escolhemos, para a cerimônia religiosa, a Igreja Nossa Senhora de Fátima, lugarzinho simpático que fica em uma praça da cidade, muito verde, nossa cara!

caso-real-natalia-marcos-ceub (7)

caso-real-natalia-marcos-ceub (8)

Bom, tenho uma mãe extremamente habilidosa, cozinheira de mão cheia e que adora grandes eventos. Desde que anunciamos o noivado à família, minha mãe se propôs a ajudar em tudo! O noivo também é super dedicado, mas em outubro de 2014 foi transferido para outro estado e acompanhou à distância os nossos preparativos! Mas enquanto esteve pelo RS colocou a mão na massa! Eu acompanho muito o blog de vocês e as super dicas do blog Casar é um Barato e outros blogs que dão várias dicas para quem adora fazer tudo com as próprias mãos, dando seu toque especial em cada coisinha do casório e, claro, economizado horrores!

caso-real-natalia-marcos-ceub (16)

caso-real-natalia-marcos-ceub (17)

caso-real-natalia-marcos-ceub (25)

Por ser uma cerimônia simples e com pessoas muito próximas a nós, optamos não ter cerimonialista. Porém, tenho uma prima de Curitiba que é cerimonialista e até veio uns dias antes do casório para nos ajudar com tudo! Foi maravilhosa conosco! Outro detalhe diferente é que optei por entrar na Igreja com meu pai e minha mãe, afinal ela é sempre sensacional comigo e nos preparativos do casamento não foi diferente! Ela merece esse destaque!

caso-real-natalia-marcos-ceub (1)

caso-real-natalia-marcos-ceub (5)

Algumas coisinhas que fizemos nós mesmos para o nosso grande dia: garrafinhas de cerveja reaproveitadas decoradas com renda e juta para as mesas; os convites tiveram seu layout criado por mim, bem simples e com alguns pitacos do Marcos, mandei imprimir em uma gráfica perto de casa, as tags também criei, comprei os envelopes e o papel vergê pela internet, decorei com fita de juta, rendinha e fita verde no mesmo estilo das garrafinhas.

caso-real-natalia-marcos-ceub (32)

caso-real-natalia-marcos-ceub (33)

caso-real-natalia-marcos-ceub (4)

Nas mesas, coloquei toalhas brancas e trilhos de juta sobrepostos. Os retalhos da juta viraram os porta-guardanapos que foram combinados com as sobras de fitinha verde dos convites e as pérolas! Tudo reaproveitado, saindo baratinho! Fizemos também as Lágrimas de Alegria, comprei lencinhos, envelopes, criei e imprimi as tags e amarrei com os fios de juta que foram sobrando dos trilhos.

caso-real-natalia-marcos-ceub

caso-real-natalia-marcos-ceub-

O bolo fake também foi criação minha e da minha mãe: compramos isopor, tínhamos a massa tapa-tudo em casa, lixa, tinta verdinha e saiu a criação! Nosso topo de bolo custou R$ 1,00 em uma loja tipo “Armarinho” aqui de Porto Alegre. Servi um bolo de morango com merengue, delicioso, de uma padaria da praia mesmo! Os bem casados também são desta mesma padaria! Compramos as embalagens e a juta aparece novamente para amarrar, as tags imprimi em casa no mesmo papel do convite.

caso-real-natalia-marcos-ceub (31)

caso-real-natalia-marcos-ceub (36)

Alguns itens da decoração da nossa casa nova, como o Love amarelo, a bicicleta com flores, porta-retratos foram direto para o casamento e acrescentaram charme à nossa mesa. Até mesmo nosso aparador rústico foi para Imbé, utilizamos para a realização do casamento civil que foi feito logo após nossa chegada da Igreja ao Restaurante.

caso-real-natalia-marcos-ceub (24) caso-real-natalia-marcos-ceub (27)

caso-real-natalia-marcos-ceub (30)

caso-real-natalia-marcos-ceub (38)

Para as madrinhas, comprei a pulseira de pérola e as flores separadas. Eu e minha super mãe montamos o corsage com muito carinho para as meninas! Minha irmã, e madrinha, que mora na Alemanha, trouxe as trufas deliciosas de lá. Para acomodarmos na mesa, usamos os vidros que minha mãe tem em casa!!!

caso-real-natalia-marcos-ceub (26)

caso-real-natalia-marcos-ceub (29)

caso-real-natalia-marcos-ceub (34)

Falando em Alemanha, aí vai uma foto de uma tradição alemã! Minha irmã Aline e meu cunhado Lula, propuseram esse desafio! A brincadeira tradicional nos casamento de lá consiste em os noivos cortarem o tecido em forma de coração, sem abrir as laterais, cada um por um lado e chegar junto no final, depois o noivo tem que passar com a noiva no colo para o outro lado do tecido! Fizemos direitinho e foi demais! Ao final do casamento, outra brincadeira proposta por eles, um jogo de perguntas e respostas sobre a rotina do casal! Foi super engraçado, e os convidados se divertiram.

caso-real-natalia-marcos-ceub (23)

caso-real-natalia-marcos-ceub (20)

caso-real-natalia-marcos-ceub (35)

Ah, para embalar nosso dia, contratamos o Vinícius Santin, um músico de POA que toca voz e violão! Ele é demais, e divertiu a galera o dia todo! Ao todo, nosso casamento custou R$ 7.200,00. Com muito orgulho falo para todos quanto custou essa festa maravilhosa que começou às 10h30 da manhã e só terminou às 18h30 da noite! Foi um dia lindo, especial, cheio de alegria, felicidade e amor, muito amor!

caso-real-natalia-marcos-ceub (19)

caso-real-natalia-marcos-ceub (11)

Meninas, tudo foi feito com muito amor e muita inspiração no Casar é um Barato. Senti que tanta dedicação merecia ser compartilhada com que adora DIY e economia!

caso-real-natalia-marcos-ceub (9)

P.S.: Esta foto sou eu abraçando meu vô. Ele foi uma grande surpresa no dia do casamento. Diagnosticado com câncer e em tratamento, com 84 anos, um dia antes ele ligou dizendo que não sabia se conseguiria ir, estava fraquinho e com dores! Para minha imensa e feliz surpresa, no sábado de manhã lá estava ele faceiro e forte me esperando pertinho do Marcos, no altar. Não resistimos e nos abraçamos antes da cerimônia começar! Infelizmente, ele faleceu em junho, no dia 12, quando eu já estava morando em Natal. Tenho uma gratidão enorme por ele ter conseguido ir ao meu casamento!”

caso-real-natalia-marcos-ceub (2)

 

Mais Casos Reais encantadores:

O chá-bar DIY da Thaiany e do Bernardo

O casamento em uma semana da Elisama e do Jefté

O chá-de-panela da Fernanda e do Kennedy