CASO REAL: O casamento rosa da Andriara e do Alexsander

Há alguns meses atrás, recebemos umas fotos super lindas de uma noiva rock’n roll nas nossas mensagens do Facebook. Pedimos a ela que nos mandasse tudinho e contasse essa história fofa, mas acabamos não nos falando mais. Fiquei ansiosa, claro, mas a vida de uma noivinha recém-casada é assim mesmo, super corrida, sei bem como é. Mas aí, há duas semanas atrás, publicamos uma matéria a pedidos de uma outra moça colorida, sobre noivinhas de cabelo colorido. Foi um sucesso a matéria e nós adoraaaamos pesquisar essas fotos. Fiquei até com vontade de deixar meu cabelo mais vermelhão ainda!

caso-real-andriara-alexsander-ceub (18)

E aí, quando abro as mensagens do chat do CEUB, dou de cara com uma mensagem que dizia: “Ei, lembra do meu casamento rosa?” Gente, fiquei tão feliz de ver aquela moça de novo, a Andriara! Foi emocionante reviver aquelas fotos com ela e fiquei toda boba dela lembrar da gente. Falei pra ela que é claro que a gente lembrava e que queríamos muito contar tudinho aqui no blog e assim ela matou a minha curiosidade e trouxe uma história deliciosa para compartilhar com todas as noivinhas.

caso-real-andriara-alexsander-ceub (23)

Dá pra sentir nas fotos como a alma dessa moça é rosa do início ao fim! Rosa de muito amor e muito rock’n roll, rosa de muito carinho e delicadeza, de animação! Uma moça vibrante, com seu marido super apaixonado, em uma história digna de seriado americano, amor da cabeça aos pés! Vem conhecer a nossa #noivarosa, vem!

“Oi meninas! Escrevo para contar sobre o nosso momento mágico! E, pra começar, conto um pouquinho da nossa história: Me chamo Andriara, tenho 29 anos, meu marido chama-se Alexsander e nossa caminhada é longa, desde a adolescência. Tínhamos apenas 16 anos quando nos encontramos na época do ensino médio! Seguimos estudando, trabalhando e alguns anos se passaram. Nos formamos no curso técnico em contabilidade, ingressamos na universidade federal, sempre juntos. Aprendemos e vivemos muito, afinal de contas, vida de universitário é punk. Foi muito bom ter ele ao meu lado também neste período, pois não foi fácil, mas conseguimos!

caso-real-andriara-alexsander-ceub (6)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (7)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (15)

Estivemos sempre de braços dados durante todo esse período. Eu sou formada em Pedagogia e ele em Artes Visuais, uma combinação perfeita!!!! Formamo-nos no mesmo ano, eu em uma semana e ele na outra, sendo que na dele fui pedida em casamento e noivamos!!!!!!!! Foi no dia 15 de janeiro de 2011. Nós marcamos o casamento para o mesmo dia da cerimônia religiosa, casamos pela parte da manhã no cartório e à noite na Igreja no dia 28 de fevereiro de 2015.

caso-real-andriara-alexsander-ceub (5)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (9)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (26)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (27)

Nós mesmos fizemos os convites, eu customizei até meus sapatos: faltando 3 dias para o casamento, comprei um sapato como eu queria, mas era preto. Então comprei tinta para tecido de tubinho pequeno, cola de contato, glitter e resolvi meu problema. Com um pincel, passei uma mão de tinta para tecido, esperei secar e passei mais uma para cobrir bem. No outro dia passei um mão da cola de contato e fui jogando o glitter e pronto. Ah eu não pintei o solado nem o salto, deixei preto e deu um toque lindo. O nosso lema era casar gastando muito pouco, queríamos que fosse algo simples e elegante, bonito e barato!

caso-real-andriara-alexsander-ceub (31)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (32)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (43)

Eu fui uma noiva dessas que entra em grupos de casamento, segue muitas páginas, visita e favorita muitos blogs! Enchi meu desktop de pastas com muuuitas fotos e “diy”, pensando, organizando e montando o meu casamento. Agradeço muito a todos, pois nos ajudaram a pensar em todos os detalhes.

caso-real-andriara-alexsander-ceub (1)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (28)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (34)

Moramos em Rio Grande – RS e minha cidade conta com muitos organizadores de festas, fui à procura deles, primeiramente pelas páginas das empresas dando aquela olhada básica no que poderiam oferecer. Fiz orçamentos, sempre dizendo o que queria da decoração, da equipe que ia trabalhar e de como eu sonhava que poderia ser: tudo muito clean, muito simples e muito rock’n roll principalmente gaúcho. Queríamos apenas uma cerimônia do nosso jeito, simples, pra reunir a família e os amigos, que fosse bonita, bem organizada, onde convidados fossem bem servidos, curtissem ao máximo conosco e saíssem de lá sentindo toda a positividade que carregamos durante mais de 11 anos de união. Cada um faz o seu evento como quer e como pode e foi assim que surgiu o nosso!!!

caso-real-andriara-alexsander-ceub (35)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (38)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (42)

Foram convidadas pouco mais de 250 pessoas entre família (minha família é beem grande) e amigos. A cerimônia foi realizada na Igreja Nossa Senhora do Carmo. Foi lindo adentrar e ver todas as pessoas que amamos nos aguardando. Entramos com nossos pais, nossa dama de honra foi nossa avó de 83 anos que também levou nossas alianças, nossas madrinhas usaram apenas uma cor (que eu escolhi e elas aceitaram de boa, o modelo cada uma escolheu o seu): preto e carregavam flores brancas.

caso-real-andriara-alexsander-ceub (24)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (12)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (13)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (21)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (39)

Meu marido, assim como eu, estava muito emocionado, seus olhos brilhavam e só sabia agradecer. Os convidados também e nos diziam que estava tudo tão emocionante, que não viam um casamento assim há muito tempo e que inclusive parecia coisa de filme, de contos de fada e me chamavam de noiva Ariel. O padre e suas lindas palavras contribuíram para que tudo com o que sonhamos para aquele momento fosse realmente inesquecível.

caso-real-andriara-alexsander-ceub (14)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (16)

Para a cerimônia usei um vestido bem princesa, já para a festa, usei o corpete da cerimônia com a saia do vestido que era para o trash the dress. Nossa festa foi até as 7h da manhã, com muita alegria, muito carinho e energia total, não arredamos os pés de lá e fomos os últimos a sair!! Foi um momento lindo, mágico e muito simples, intitulamos de “casamento rosa” por que será, né? Há 13 anos sou colorida, do rosa ao arco-íris vou indo, mas o rosa é a minha paixão, a minha marca, um sonho realizado casar de cabelo rosa!

caso-real-andriara-alexsander-ceub (17)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (45)

O engraçado é que um dia após o casamento e até hoje, as pessoas me param na rua pra dizer que nunca viram uma noiva tão rosa, tão linda, uma boneca e que nossas fotos transbordam a felicidade dessa união. Não esperava isso e fico muito feliz! Eu sempre agradeço muito à todos, por tornarem esse momento inesquecível, principalmente ao fotógrafo Edno Pilonetto, grande amigo que achou um espacinho na sua agenda pra vir até a nossa cidade e eternizar esse momento.

caso-real-andriara-alexsander-ceub (29)

caso-real-andriara-alexsander-ceub (49)

Sou muito grata a Deus e a todos, inclusive a vocês da página Casar é um barato! Vocês nem sabem, mas dividi muitas alegrias, muitas ideias e muitas emoções a cada dia que se aproximava acompanhando diariamente as postagens de vocês. E mais uma vez obrigada por compartilhar o Caso Real do nosso #casamentorosa #noivarosa #noivaariel #pormaiscasamentoscoloridos #pormaisamor!

Crédito das fotos: Edno Pilonetto

 

Ai, gente, que delícia essa história! E a Andriara ainda mandou o vídeo do Trash The Dress, chega mais!

 

Pra quem quiser acompanhar e saber mais da história dessa noiva super linda, confere aqui o blog dela!

 

Mais Casos Reais criativos:

O mini-wedding da Vânia e do Denner

O casamento estiloso da Nath e do Murilo

O casamento alternativo da Carol e do Bal